Segurança no seu notebook: confira dicas para comprar online sem medo

Tempo de leitura: 4 minutos

Comprar online com certeza é uma das tendências que vieram para ficar. Segundo dados divulgados pela empresa E-bit, mais de 51,3 milhões brasileiros já utilizaram a web pelo menos uma vez para adquirir um produto online.

O número significativo se deve à seguinte comodidade: com apenas alguns cliques, você pode realizar a compra de um produto e recebê-lo em casa dentro de poucos dias. No entanto, apesar de todo conforto e agilidade em realizar compras em lojas online, é necessário tomar alguns cuidados para não cair em “golpes” virtuais e evitar dor de cabeça. Confira dicas simples que podem fazer toda a diferença na hora de realizar uma compra segura.

Procure por informações no próprio site

Se o site for realmente confiável, você poderá encontrar facilmente informações que comprovem a idoneidade da loja. A maioria das empresas disponibiliza informações como endereço, CNPJ, telefone, e-mail ou chat para o esclarecimento de possíveis dúvidas.

154

Busque dados sobre a reputação do site

É importante coletar informações com os consumidores que já realizaram compras no site que vende o produto. Você pode utilizar diferentes recursos para verificar esse tipo de informação: conversar com amigos e familiares; verificar se há reclamações sobre a loja nas redes sociais (Twitter, Facebook, fóruns, etc); e fazer uma busca no Procon (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor) do seu Estado ou Município ou em site para reclamações dos consumidores.

Um dos sites mais utilizados é o Reclame Aqui, considerado uma ótima ferramenta para se informar sobre a qualidade dos serviços prestados por determinadas empresas. O site de reclamação atua como um canal de comunicação entre clientes e lojas.

Outro método recomendado e confiável para verificar a reputação de uma loja online é verificar a medalha E-bit. A avaliação envolve um sofisticado sistema de coleta de dados um relatório de confiabilidade do site. Com base nos resultados coletados, a loja virtual pode ser avaliada com 5 medalhas (Diamante, Ouro, Prata, Bronze e Em Avaliação)

MercadoLivre e similares: confira a reputação do vendedor

153

Essa dica vale para sites que funcionam apenas como mediador entre o comprador e o vendedor. É o caso de sites como MercadoLivre e o AliExpress, em que as páginas oferecem um medidor de confiabilidade para o vendedor que está anunciando o produto. Se mesmo assim você continuar com dúvidas, entre em contato com os vendedores para esclarecer todos os pontos de negociação.

Verifique se o site possui sistema de segurança

É preciso prestar atenção se o site é realmente confiável. Alguns sites “parecem” seguros, mas na verdade se tratam de armadilhas para conseguir informações e dados pessoais. Primeiro, verifique se o site possui certificados de segurança digital – geralmente localizados no rodapé da página. Esse tipo de selo garante que o site está seguro contra ataques de hackers, roubo de informações e clonagem de cartão.

152

É importante lembrar que o selo deve ser clicável, ou seja, deve redirecionar o consumidor a página provedora do certificado. Isso garantirá a veracidade da informação.

Além disso, verifique também a barra de navegação da página, que deve possuir um símbolo em forma de cadeado no navegador, e se o link da página começa com HTTPS. Sites que possuem tanto o símbolo como a sigla no endereço são mais confiáveis, o que aumenta significativamente a segurança dos seus dados.

O que fazer em caso de golpe?

Se por descuido ou por uma fraude bem armada você acabou caindo em alguma armadilha, não se desespere, pois é possível amenizar a situação tomando as medidas certas.

1 – Entre em contato com a operadora do cartão ou com o seu banco

Caso a compra tenha sido realizada com cartão de crédito, a primeira coisa a fazer é entrar em contato com a operadora do cartão para avisá-los sobre a situação e bloquear o cartão. A medida não cancelará a compra, mas poderá evitar possíveis perdas financeiras significativas. A recomendação também vale caso os seus dados bancários caiam na mão de criminosos.

2 – Procure as autoridades

Outra medida importante para resolver o problema é entrar em contato com o Procon, órgão responsável por solucionar problemas de fraudes, golpes e enganações por parte de vendedores e lojas online. Dependendo do estado, é possível realizar a ocorrência online. Verifique no site do Procon do seu Estado se essa função já está disponível.

Fonte: Tecmundo e Techtudo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *